<BODY><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d35921743\x26blogName\x3duma+penelope+nada+charmosa\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://omundopenelopecharmosa.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://omundopenelopecharmosa.blogspot.com/\x26vt\x3d-6084520345851817548', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script><!-- --><div id="b-navbar"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-logo" title="Go to Blogger.com"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/logobar.gif" alt="Blogger" width="80" height="24" /></a><form id="b-search" action="http://www.google.com/search"><div id="b-more"><a href="http://www.blogger.com/" id="b-getorpost"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_getblog.gif" alt="Get your own blog" width="112" height="15" /></a><a href="http://www.blogger.com/redirect/next_blog.pyra?navBar=true" id="b-next"><img src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_nextblog.gif" alt="Next blog" width="72" height="15" /></a></div><div id="b-this"><input type="text" id="b-query" name="q" /><input type="hidden" name="ie" value="UTF-8" /><input type="hidden" name="sitesearch" value="omundopenelopecharmosa.blogspot.com" /><input type="image" src="http://www.blogger.com/img/navbar/1/btn_search.gif" alt="Search" value="Search" id="b-searchbtn" title="Search this blog with Google" /><a href="javascript:BlogThis();" id="b-blogthis">BlogThis!</a></div></form></div><script type="text/javascript"><!-- function BlogThis() {Q='';x=document;y=window;if(x.selection) {Q=x.selection.createRange().text;} else if (y.getSelection) { Q=y.getSelection();} else if (x.getSelection) { Q=x.getSelection();}popw = y.open('http://www.blogger.com/blog_this.pyra?t=' + escape(Q) + '&u=' + escape(location.href) + '&n=' + escape(document.title),'bloggerForm','scrollbars=no,width=475,height=300,top=175,left=75,status=yes,resizable=yes');void(0);} --></script><div id="space-for-ie"></div>
terça-feira, maio 29, 2007

Eu Preciso Te Esquecer
Cláudia Telles
Composição: Mauro Motta/ Robson Jorge

TUDO SE PERDEU, FOI TUDO EM VÃO
DA VIDA QUE EU PENSEI DE UM SONHO A DOIS
NO MEU PEITO UMA SAUDADE VEIO SEM QUERER
E AS COISAS QUE SÃO TUAS EU NÃO POSSO ESQUECER
TANTO TEMPO EU TIVE PRA DIZER
QUE TUDO QUE EU TE FIZ FOI SEM QUERER
JÁ NÃO TEM POR QUE CHORAR
SE EU SEI QUE TE PERDI
E A MÁGOA QUE VOCÊ DEIXOU
SÓ FAZ EU TE DIZER AGORA
EU PRECISO TE ESQUECER
E TER QUE SEGUIR SEM PENSAR EM VOCÊ

Como faz frio nessa terra de meu Deus!!

Ganhei uma folga de ontem pra hoje, aproveitei que não me sinto muito bem em todos os segundos dias de alguns dos dias do mes, e fiquei em casa, fiz bolachinhas de pimenta vermelha, bolo de chocolate com uma cobertura bem simples e deliciosa, aprendi no rótulo do fermento e nunca mais deixei de usa-la, recebi uma noticia boa, e ao mesmo tempo fico com meus pensamentos a mil por hora "ô meu pai como tu é bom comigo senhor...obrigada por cuidar de mim e me dar as respostas pra todas as minhas perguntas" É isso mesmo! ELE tem sido muito generoso em todos os sentidos.
Me peguei quietinha em baixo da manta no sofá e fui parar em 1977 se não me engano, quando a Claudia Telles cantava em amor pros meus ouvidos de menina...meu tio tocava cavaquinho e eu o acompanhava sentadinha cantarolando de lá pra cá a musa da Bossa de vez em quando aparece nas minhas memórias e me faz feliz
Momentos raros ... bons que não voltam mais.